Grande mídia celebra celebridades que se desviam da igreja


Um fenômeno comum na grande mídia digital é o anúncio público de uma celebridade que se desvia da igreja, seja ela de qualquer denominação. Obviamente, o foco não é no "desvio" de tal celebridade, mas sim no "conserto", na volta à normalidade, para o mundo fora da igreja. 


Assim como a suposta conversão ganha os noticiários, muitas vezes em tons jocosos, a volta para o mundo dessas celebridades ex-evangélicas também recebe letras garrafais na grande mídia digital. São diversos exemplos que a mídia insiste em propagar como uma grande volta para a realidade: "fulano caiu em si e voltou à normalidade".


A cantora Perlla, o ex-apresentador mirim Daniel Garcia e a modelo Andressa Urach são alguns desses exemplos. A ex-Universal Andressa Urach ganhou bem mais destaque por todo o marketing construído em torno de sua imagem, de ex-miss Bumbum a obreira na Igreja Universal. 


Também não é de se admirar o fato de essas celebridades saírem chutando o balde, como se diz, lançando todo tipo de críticas às igrejas como para justificar suas saídas. Andressa reclamou dos milhões que deu à igreja e das fofocas com o seu nome, além do que ela chama falta de amor.


Essa episódio chama a atenção para outro fenômeno muito comum, mesmo entre os membros de igrejas que não são celebridades. Refiro-me ao fato de essas pessoas se frustrarem com lideranças, com outros membros, com disse-me-disse na igreja e deixarem de focar naquele que é o motivo de as igrejas existirem. Tá ruim aqui, tem outro lugar ali onde a palavra é semeada. Mais não!!!


Infelizmente o meio evangélico está cheio de lobos, cheio de joio no meio do trigo e isso não é fato somente da atualidade. Desde o princípio, as heresias têm assediado as igrejas e o Corpo de Cristo, tanto é que na Bíblia consta severos alertas contra esses falsos ensinos e seus falsos mestres. 


Na sua saída, Andressa disse que todos sabiam que ela havia servido a Jesus nos últimos seis anos, mas estava saindo da igreja. A perguntava que fica: Era a Jesus que Andressa servia doando milhões nesses últimos seis anos , como ela diz? 


"Eles saíram do nosso meio, mas não eram dos nossos. Porque, se tivessem sido dos nossos, teriam permanecido conosco. Mas eles se foram para que ficasse manifesto que nenhum deles é dos nossos".
1 João 2:19

 

A palavra de Deus nos ensina que devemos nos examinar constantemente. Qual a nossa motivação? Queremos agradar as nossas expectativas humanas na igreja? Esse tipo de reflexão precisa estar presente nos cristãos, sob o risco de perderem o foco e acabarem confundindo o meio com a mensagem. Existem diversos meios para se aproximar de Cristo, mas a mensagem é única e imutável.  


Busque a Jesus e estimule os discipulados nessa incursão para um relacionamento individual com Ele, através da sua palavra. Caso contrário, esses bebês espirituais vão permanecer vulneráveis aos ataques dos muitos roubadores de sementes. 

Comente

Não deixe passar em branco

Postagem Anterior Próxima Postagem